Assinatura RSS

Whatever Works.

Publicado em

É por isso que não me canso de dizer: qualquer amor que possa receber e dar, qualquer felicidade de que possa se apropriar ou fornecer, cada breve gesto gentil; tudo pode dar certo. E que ninguém se engane. Nem tudo depende da genialidade humana. A maior parte da sua existência é mais sorte do que gostaria de admitir.

Boris Yellnikoff, personagem que deveria ser do Woody Allen em seu ultimo filme –  Tudo Pode Dar Certo (Whatever Works) – mas é feito por Larry Davis.

E eu nem tenho muito a dizer sobre isso, na verdade. Mas é assim. E eu acredito em sorte, sabe? Acho que é porque eu tenho, mas não vem ao caso. É que eu acho que tudo pode dar certo mesmo. As vezes não dá, é verdade, e faz mais de um mês que eu sinto isso no fundo da alma. O fato é que tudo é bem mais simples do que a gente imagina. E enquanto você tá aí, sempre deixando tudo mais complicado, as possibilidades são só duas: pode dar certo ou não.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: