Assinatura RSS

The only thing to live for is today

Publicado em

Aí estavam a maioria das “crianças” na cama da minha mãe, curtindo o Pedro. Eu, Gabi, Enzo e Bruna. Gabi vai fazer 10 anos na próxima semana. Foi a primeira gravidez que eu acompanhei de perto e curti cada momento. Foi a primeira criança que eu esperei nascer. Não sabia como era ter um bebezinho na família, já que eu tinha sido o último. E ela já vai fazer 10 anos. Eu cuidava para que os menores não assustassem demais o menino, a Gabi também, enquanto o Enzo e a Bruna conversavam. Ela não sabia que o Pedro também era primo dela. Nem que eu era tia dele. “Mas você já é tia?” Antes que eu respondesse, o Enzo diz: É, a Marina já tem 20 anos!”

Quer dizer, 20 anos. E eu entendo o Enzo. Na idade dele, eu achava que 20 anos era muita coisa também. Naquela época, eu achava que 20 anos era idade suficiente pra, sei lá, estar casada. Tô aqui, apenas sendo linda na pista e talvez comece a pensar em casamento daqui uns 10 anos. Ou mais. Mas com 20 anos, ninguém me acha tão nova como me achavam quando eu tinha 14. Quando eu tinha 14 e escrevia meio direito, todo mundo achava demais. “E ela só tem 14 anos”, diziam. Hoje as pessoas têm 35, 40 anos e eu tenho 20. E já não sou mais nenhum espanto.

Com 20 anos, o cartório já quis minha assinatura assegurando que eu conhecia certas duas pessoas e que sabia que ambas eram solteiras e não eram parentes. Com 20 anos, minha mãe precisou da minha assinatura pra vender a casa onde eu morei a vida toda e escrever meu nome nunca doeu tanto. Com 20 anos, a gente descobre que nossa assinatura vale alguma coisa.

Com 20 anos, eu preciso ir ao banco resolver problemas do meu cartão e tirar dinheiro toda semana. E tenho que resolver o problema da operadora de celular que fez cagada e mandou uma carta dizendo que meu nome pode ir pro Serasa.

É engraçada a vida né? Quando eu era criança, não conseguia me imaginar muito com 20 anos. E ainda hoje, não consigo imaginar o onde eu vou estar daqui dois anos. Nunca fui de fazer grandes planos. As coisas acontecem, simples assim.

Conheci o apartamento novo. Dá pra ver o pôr do sol.

Anúncios

»

  1. Onde está a opção curtir? haha. Adorei e me identifiquei muito, Marina!

    Responder
  2. marcioantunes75

    A dica agora eh open house. Tem que ve issae.

    Responder
  3. Daniel Dias

    Por do sol?
    Open house no final de tarde?
    Tem que vê issaê!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: